quinta-feira, 20 de março de 2014

Identificação de Suspeitos por Furtos em Veículos

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da Divisão Policial de Vila Franca de
Xira, no dia 18 de março, em Alverca do Ribatejo, procedeu à identificação de 2 homens, com 25 e 28 anos de idade, suspeitos de furtos no interior de veículos.

Na sequência de denúncias e informações colhidas pela PSP de Vila Franca de Xira, relativamente a furtos no interior de veículos, foi reforçada a vigilância e redobrada a atenção a este tipo de ilícitos na área de jurisdição desta polícia.

Assim, na madrugada do passado dia 18, foi intercetada uma viatura que se considerou suspeita, pela sua movimentação em marcha lenta em zonas residenciais de Alverca do Ribatejo.

Realizada busca à viatura, foi encontrado na sua bagageira, 4 baterias de automóveis e um autorrádio, com indícios de terem sido furtados, bem como luvas e ferramentas.

De imediato, foram encetadas ações policiais, para deteção de viaturas alvo de furto no seu interior. Rapidamente foram localizadas e identificadas 4 viaturas, de onde foi subtraído o material recuperado, tendo os proprietários sido informados de que tinham sido vítimas de crime, que os seus objetos haviam sido recuperados e que podiam exercer o seu direito de queixa.

Não se limitando a PSP, à identificação e deteção de suspeitos, foram iniciadas diligências investigatórias, suportadas por buscas às residências destes suspeitos, onde foi apreendido o seguinte material, suspeito de ser proveniente de atividade criminosa:
  • 3 Baterias de automóvel;
  • 6 Autorrádios;
  • 1 Amplificador de som;
  • 1 Subwoofer;
  • 2 GPS;
  • 3 Consolas de jogos portáteis;
  • 7 Pares de óculos de sol;
  • 1 Espingarda de calibre 20;
  • 98 Cartuchos de calibre 20;
  • 1 Faca de mato;
  • 1 Pistola em plástico (réplica de Beretta 9 mm); 
  • 2 Granadas de instrução inativas; e
  • 1 Casaco e um colete de uma empresa de segurança privada.
Os suspeitos foram constituídos arguidos e sujeitos a Termo de Identidade e Residência, aguardando em liberdade o desenrolar do processo. É de referir que o suspeito com 28 anos de idade tem antecedentes criminais, por furto qualificado.

A polícia alerta os cidadãos, que tenham sido vítimas de crime onde constem os objetos acima descritos, se dirijam a uma esquadra, para formalizar a respetiva denúncia e informarem as características particulares dos objetos.

Sem comentários:

Enviar um comentário